O menino de quatro anos vítima de abuso sexual teve a morte cerebral confirmada na madrugada de sábado (29), segundo o Hospital Cemil, de Umuarama, no noroeste do Paraná, onde ele estava internado. O padrasto do menino está preso suspeito de violentá-lo.
O corpo do menino foi sepultado no Cemitério Municipal de Cianorte, no domingo (30).
Na última quarta-feira (26), Murilo Henrique Lima foi levado para um hospital de Cianorte, onde morava com a família, com crise convulsiva. Por causa da gravidade do caso, ele foi transferido para o hospital de Umuarama.

Os médicos suspeitaram que ele poderia ter sido vítima de abuso devido a ferimentos e acionaram a polícia. O abuso foi confirmado por um laudo do Instituto Médico-Legal (IML).
Depois de ouvir o depoimento da família, o padrasto da criança foi preso preventivamente, por tempo indeterminado, e transferido pra Curitiba.

A investigação vai ficar a cargo da Delegacia da Mulher, que também é responsável por casos que envolvem crianças e adolescentes.