Faleceu por volta das 22h30 desta quinta-feira (08), o bispo de União da Vitória, Dom Agenor Girardi. O comunicado foi feito pela família do religioso, que desde o final do ano passado, foi submetido a sucessivas internações para o tratamento de um câncer. O velório será realizado na Catedral de União da Vitória.

O quadro de saúde de Dom Agenor se agravou nos últimos dias, sendo já considerado irreversível pela equipe médica do Hospital São Brás, de Porto União/SC, onde o bispo estava internado.

Nascido em 2 de fevereiro de 1952, em Orleans/SC, ingressou no Seminário São José dos Missionários do Sagrado Coração de Jesus, em Francisco Beltrão, Sudoeste do Paraná, com 14 anos. Era graduado em filosofia na PUC de Campinas (SP).

Fez o noviciado em São Paulo e nos anos seguintes cursou Teologia também na capital paulista. Os seus primeiros votos religiosos foram realizado em 1979, em São Paulo. Em 1982, fez os votos perpétuos, recebendo o diaconato no mesmo ano. Sua ordenação sacerdotal aconteceu em Francisco Beltrão, em 5 de setembro de 1982, das mãos de dom Agostinho José Sartori.

Foi reitor do Seminário Menor São José em Francisco Beltrão, onde, após um período fora, atuou na Paróquia São José. Em 2011, foi nomeado bispo auxiliar na Arquidiocese de Porto Alegre. Já em 12 de junho de 2015, assumiu como bispo titular da Diocese de União da Vitória, onde encerrou sua caminhada terrena.

O corpo de Dom Agenor será velado nesta sexta-feira (09), na Catedral do Sagrado Coração de Jesus, a partir das 07h, com missas durante o dia. A missa de corpo presente está marcada para este sábado (10), às 09h, e será presidida pelo arcebispo de Curitiba, Dom José Antônio Peruzzo. O corpo será sepultado na cripta da Catedral de União da Vitória.