O Juiz federal Sérgio Moro foi exonerado do cargo de professor da Universidade Federal do Paraná (UFPR), conforme portaria publicada nesta quinta-feira (15) no Diário Oficial da União (DOU).

A dispensa foi um pedido do próprio juiz, conforme a portaria assinada pelo pró-reitor de Gestão de Pessoas da UFPR, Douglas Ortiz Hamermuller. Ele já não faz parte do quadro desde o dia 8 de março.

Moro lecionava desde novembro de 2007 no departamento de Direito Penal e Processual Penal no Setor de Ciências Jurídicas da instituição e estava licenciado das funções em razão da Operação Lava Jato, desde o fim de 2016.

Lava Jato
Sérgio Moro é o responsável por julgar os processos em primeira instância da Operação Lava Jato, na 13.ª Vara Criminal Federal de Curitiba, desde março de 2014.