O deputado federal Fernando Francischini (PSL) desistiu de disputar uma vaga ao Senado Federal. De acordo com a assessoria, depois de longas reuniões realizadas no domingo (5 de agosto) com o presidenciável da legenda Jair Bolsonaro, Francischini resolveu disputar uma cadeira na Assembleia Legislativa do Paraná. A intenção, segundo a assessoria, é “ajudar na eleição de uma grande bancada de direita”. Francischini afirma que atender a um pedido de Bolsonaro.

“Diante de uma missão maior, fazer Bolsonaro presidente da República, estou adiando o projeto ao Senado Federal. Embora tivesse total e reais condições de sair vitorioso na eleição, comprovado em pesquisas eleitorais, vou disputar uma vaga na Assembleia para poder ter mais tempo para coordenar a campanha de Bolsonaro no Paraná”, disse Francischini.

“É hora de abrir mão de um desejo pessoal, de me tornar Senador da República, para me focar na missão maior: ajudar Bolsonaro a chegar ao Palácio do Planalto e mudar a realidade do país e do Paraná “, afirma.

Apesar da decisão, o PSL mantém a candidatura de Ogier Buchi ao governo do Estado, além de Ana Barroso como candidata ao Senado e a chapa de deputados estaduais e federais na coligação “Paraná contra a Corrupção” com PSL, Patriota, PTC.