Após três dias, o evento em Reserva do Iguaçu termina com a participação de mais de quase 2,5 mil pessoas. O evento reuniu dois programas da Secretaria da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos: Projeto Criança e Adolescente Protegidos e o Paraná Cidadão.

Na quarta-feira, crianças e adolescentes foram atendidos e puderam fazer documentos de identidade com exclusividade.

Aguineide Maria, de 30 anos, aproveitou o evento e fez o RG da filha de seis anos. “Eu achei bem mais fácil fazer o documento aqui. Ela nunca teve uma identidade e agora o problema está resolvido”, disse ela.
Na quinta e sexta-feira, 08 e 09 de março, o Paraná Cidadão levou mais de 50 serviços gratuitos aos moradores da cidade e região.

O secretário da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos (Seju), deputado Artagão Júnior, participou da abertura oficial do evento, junto do prefeito de Reserva do Iguaçu, Sebastião Campos. “A feira tem o objetivo de facilitar a vida da população. Com este intuito reunimos diversas estruturas do governo e município em um mesmo local para atender a população de forma gratuita, com isso os resultados estão aparecendo e a população busca cada vez mais as ações oferecidas no evento”, explicou Artagão Júnior.

O Paraná Cidadão é organizado pela Secretaria da Justiça, Trabalho e Direitos Humanos, em parceria com outras secretarias de estado e prefeituras municipais.

Em 2017, 19 cidades receberam o evento, totalizando 205.576 atendimentos a 87.600 pessoas.